11 de setembro não interrompeu Dragon Ball na Globo

A cobertura do atentado de 11 de setembro de 2001, ao contrário do que aponta a memória afetiva da maioria das crianças e adolescentes que estavam em frente à TV nesse dia, não interrompeu o desenho “Dragon Ball Z”.

A Globo realmente trocou a programação infantil por um plantão, mas fez isso no horário de “Bambuluá”, no começo da manhã.

A substituição fez a Globo marcar 23 pontos de média e picos de 31 na Grande São Paulo, o dobro do que costumava alcançar com as brincadeiras de Angélica e o jornalismo local do "SPTV", que também saiu de cena naquele dia.

Em matéria de audiência, a queda das Torres Gêmeas só perdeu para outra notícia naquele ano: o sequestro de Silvio Santos.