Conecte-se conosco

Televisão

Criador do “Documento Especial” e entusiasta da TV popular, Nelson Hoineff morre no Rio de Janeiro

O jornalista, documentarista e diretor Nelson Hoineff faleceu neste domingo, aos 71 anos, no Rio de Janeiro. O enterro dele está marcado para esta segunda-feira, 16 de dezembro, meio-dia, no Cemitério Israelita do Caju.

De todos os brilhantes trabalhos produzidos por Hoineff, o mais destacado é o “Documento Verdade”. Exibido entre 1989 e 1996, o programa subverteu o telejornalismo brasileiro ao abrir a câmera e o microfone para as camadas marginalizadas da sociedade. A pegada “a vida como ela é”, à época repetida apenas pelo “Comando da Madrugada”, rendia picos de até 17 pontos à Manchete no Rio de Janeiro. Em São Paulo, a média oscilava entre 4 e 6 pontos, superando “Kananga No Japão” e “Cabaré do Barata”.

Mais Lidas