Conecte-se conosco

Televisão

O silêncio ensurdecedor de Paulo Henrique Amorim

Paulo Henrique Amorim não abriu a boca para criticar o cancelamento do debate presidencial que a Record realizaria neste domingo.

Também não abriu a boca para comentar a reportagem do The Intercept sobre a pressão que o R7 exerce sobre os jornalistas que não escrevem reportagens contrárias a Fernando Haddad.

Paulo Henrique Amorim só sabe apontar o dedo para a Globo, sua ex-empregadora. Neste fim de semana, publicou charges e (pelo menos) um artigo cutucando a família Marinho.

Quando ele voltar a acusar a Globo de partidarismo, lembre-se da omissão de 21 de outubro. Lembre-se da valentia de ocasião.

Mais Lidas