Conecte-se conosco

Sociedade

Mulher atira em quatro funcionários do YouTube e se suicida em seguida

Uma mulher atirou em quatro funcionários do YouTube e se suicidou logo em seguida. O crime ocorreu na sede da empresa, na região do Vale do Silício.

A polícia ainda investiga o caso, mas a NBC reportou que Nasim Aghdam, apontada como autora do crime, estava incomodada com a arrecadação de seu canal na plataforma de vídeos.

O Google, proprietário do YouTube, está acompanhando a evolução clínica dos trabalhadores feridos no atentado.  As autoridades locais também receberam auxílio da gigante da internet.

 

Mais Lidas