Conecte-se conosco

Sociedade

O Brasil ficaria melhor sem as universidades

Duas sociólogas analisaram, a pedido do G1, os cílios postiços instalados nos semáforos de Curitiba em homenagem ao Dia Internacional da Mulher. Darli Sampaio criticou o “olhar feminino maquiado e sensualizado” no equipamento. Camila Galetti reprovou a “ideia preestabelecida de feminilidade” e a falta de ações “que problematizem e tragam reflexões quanto às violências, ao machismo e todas as situações que as mulheres passam cotidianamente”.

Para quem não entendeu: um dos maiores portais do Brasil conversou com duas sociólogas sobre cílios postiços instalados em um semáforo. E elas levaram (muito) a sério os questionamentos.

O problema do Brasil não é a falta de investimentos em universidades. É o excesso.

Mais Lidas