Conecte-se conosco

Sociedade

Embaixada da China critica Jair Bolsonaro por visita a Taiwan e sugere retaliações

A Embaixada da China enviou à executiva nacional do Democratas (ex-PFL, ex-DEM) uma carta de repúdio à passagem de Jair Bolsonaro por Taiwan. A mensagem contém ameaças de retaliações na Parceria Global Estratégica China-Brasil.

O deputado, candidato à presidência pelo PSL, é acusado de causar “profunda preocupação e indignação pela referida visita, que não só afronta a soberania e integridade territorial da China, como também causa eventuais turbulências na Parceria Estratégica Global China-Brasil, na qual o intercâmbio partidário exerce um papel imprescindível”.

China e Taiwan são inimigas desde o fim da Segunda Guerra Mundial, quando os partidos comunista e nacionalista entraram em conflito. A ilha asiática nunca foi reconhecida pelo país mais populoso do mundo.

Mais Lidas