RSS

teleguiado.com

A comissão fiscalizadora de memes e os temas proibidos

A Comissão de Direitos Humanos da Seção São Paulo da OAB protocolou uma representação pública contra a Editora Humanas no Ministério Público Federal.

A página, popular nas redes sociais, é acusada de produzir e disseminar “conteúdo de apologia à tortura e à violência, bem como de promoção do racismo e de campanha contra o feminismo”.

O documento encaminhado aos procuradores solicita a suspensão dos perfis da Editora Humanas, além da identificação dos autores dos posts denunciados.

O Brasil tem uma das maiores taxas de homicídio do mundo. Em 2014, 59.627 cidadãos morreram assassinados. São Paulo colaborou com 6.131 casos. Para meu espanto, o Atlas da Violência não cita um venturoso caso de morte por memes. Tenho certeza que o erro será corrigido no próximo levantamento.

A preocupação da OAB paulista em relação ao feminismo é ainda mais curiosa. Aparentemente, manifestações contrárias ao movimento são, agora, irregulares e passíveis de punição. Espero o quanto antes a apresentação de uma lista, autenticada em cartório, com todos os temas que não podem ser confrontados, de acordo com os critérios da renomada comissão. Não temos como saber o que é melhor para nós sem a ajuda de vocês.

O mundo é composto por países que dão certo e países que fiscalizam memes. O Brasil é um meme caro e sem graça.

  • Luis Fernando Waib

    É “mapa da violência”, não “atlas”.

Compartilhe esta notícia